quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Meu niver - Autora: Fernada Marinho

Pergunto-me:
Fernanda você quer mesmo escrever sobre isto?
Fecho os olhos e por alguns segundos,
meus dedos procuram as teclas do preguicinha (meu computador).
 
É amanhã meu dia de apagar as velinhas.
Um sentimento de amadurecimento ganha cor nesse momento meu.
Primeiro agradeço a Deus por mais esse presente.
Obrigada!
 
No dia primeiro de setembro nasceu essa pessoinha aqui,
e como todas as crianças do mundo, sem noção de como seria caminhar na
selva de pedra.
Mas que ficava atônita ao ver uma flor no jardim.
Um pássaro cantando.
Uma borboleta voando...
 
Todas estas belezas sempre mexiam fundo por dentro,
e eu entendia que cada dia era como uma estréia na minha vida.
Tenho muitas lembranças & muitas delas já narrei.
Outras ficaram na caixa da memória como relíquia num cofre de banco (mente).
 
Gosto de pipoca,
Do barulho da brisa,
Do banho de chuva,
De sorvete com bolacha.
 
É preciso mesmo saber viver,
sempre engatinhei para isso.
É muito difícil para alguns algumas vezes,
enfim nas dificuldades também se encontra alegria,
e alegrias eu encontrei muitas.
Elas estão espalhadas em cada afago e carinho.
 
O incrível é que gosto muito de escrever,
mas hoje eu fiquei entalada com as palavras,
meus dedos não sabiam dançar com suavidade,
estavam tímidos para falar a fundo de mim.
 
Sabe?
Eu queria fazer um pedido.
Mas estou comovida de ver aquela caixinha de bolo ali em cima da mesa,
e a vontade que esse parabéns para mim, não passe em branco de novo.
Hoje por tudo que a vida me ensinou,
e ainda me ensina, eu agradeço.
 
Por ter ao meu lado pessoas que me fazem sorrir e me afagam com seus
carinhos. Pela plenitude que é poder agradecer e sentir essa coisa
bonita no meu coração,
que parece mais um abraço de Deus em todo o meu ser.
Não importa o que já aconteceu,
não importam as lágrimas que chorei e ainda choro,
não importam coisas pequenas dentro da gente.
 
O que importa realmente é saber que o amor existe,
que se conhece tão a fundo e que se eu não tivesse sido tão protegida,
eu não estaria aqui hoje.
Por isso agradeço de novo, Deus.
 
No livro Olga, que li inteirinho, uma emocionante história de vida,
havia esta frase que grifei para não esquecer:
”Eu não sei o que quero ser, mas sei o que eu não quero me tornar”.
 
Não quero me tornar hipócrita,
nem insensível, egoísta ou arrogante.
Não quero me tornar alguém que não consiga absorver a beleza dentro de
cada olhar que me fite. Não quero ser alguém que não tenha emoção que
transborde, não quero ser alguém que não saiba o valor do perdão,
não quero ser perfeita jamais.
 
O que quero é fazer uma oração em homenagem a meu niver e vou fazer.
Senhor, podes me escutar?
Quanta tristeza há no mundo Senhor.
Quanta dor.
 
Senhor, podes me escutar?
Deixa fluir no coração da humanidade o amor.
Eu sei que há muitas lágrimas,
eu sei que há muito egoísmo, mas também sei que há crianças no mundo e
outras nascendo,
então por elas Senhor ajuda a humanidade a saber partilhar,
amar,
compreender e conhecer o valor de perdoar.
 
Senhor, podes me escutar?
Há dor nos olhos dos injustiçados,
há pranto nos menos favorecidos,
há fome Senhor.
 
Poderia pedir amor incondicionalmente?
Preciso que o mundo se torne uma avalanche de amor,
preciso das mãos unidas das pessoas,
preciso de um sorriso franco sincero,
e de bocas que digam: PAZ NA TERRA.
Preciso desse coro,
união em prol daqueles que merecem um mundo melhor.
 
Senhor, podes me escutar?
Tenho uma tristeza que não sei mais expressá-la,
mas queria tanto que a simplicidade agigantasse todas as coisas.
Queria olhos expressando sua intensidade no olhar do outro.
Senhor não deixa que os corações endureçam,
dai-lhes a oportunidade de te conhecer,
de te amar.
 
Senhor podes me escutar?
O amor, Senhor.
Deixa o sentimento tomar conta da terra neste tempos confusos,
e que todos os dias sejam plenso de solidariedade,
que as famílias te deixem entrar não só em suas casas,
mas em seus corações como convidado de honra.
Deixa as pessoas provarem dessa maravilhosa dádiva Pai.
 
Acredito que neste mundo há bons em maioria.
Só precisam se descobrir,
se encontrar.
 
Senhor, podes me escutar?
Tende misericórdia de todo o mundo.
Nascemos imperfeitos e com muita vontade de aprender.
Não nos deixe à mercê do mal,
cuida do nosso sentimento,
entendimento,
põe no nosso dia-a-dia o coração que quer aprender e deixa a vontade
ser maior do que qualquer obstáculo,
livrai-nos do mal Senhor.
 
Senhor, podes me escutar?
Sei que sim,
sinto que cada frase tem o teu conhecimento.
A Bíblia nos ensina muitas coisas,
lá diz que até os ruins querem o bem do seus filhos, quem dirá o Pai
que está nos céus.
 
Então Senhor o mundo não está de todo perdido,
há amor até naqueles que nem sequer imaginam que o tem.
Senhor expande esse sentir, por favor.
Fazei com que essa fagulha se transforme em labaredas,
que estas pessoas tenham a chance de saber como é bonito falar de amor,
sentir amor, te amar.
 
Que elas possam dizer eu te amo Senhor!
Não sou mais egoísta,
não sou mais mesquinho,
mentiroso, avarento.
Que não sejam alguns escolhidos,
mas TODOS PAI.
 
Senhor, podes por favor me escutar?
Eu humildemente te peço em nome do AMOR,
perdoai os nossos pecados,
nossas falhas conscientes e inconscientes, não nos deixe à mercê do inimigo.
Dai clareza para aqueles que te pedem e necessidade de te ter para
aqueles que nem lembram o teu nome. Ensina-os a ter um coração puro,
bom, reto.
A quem mais poderia pedir AMOR, se não a Ti?
 
Senhor, podes por favor me escutar?
O que escrevo aqui é somente o que desejo de coração.
Que os povos não mais escolham o errado,
mas o caminho de luz,
que mesmo diante de todas as dificuldades eles tenham uma palavra de
carinho para dar a seu próximo.
Que mesmo tendo apenas um par de sandálias,
ele doe um para mostrar que a igualdade é ter Deus presente.

Que cada alimento que um cristão agradecer por ter na sua mesa, mate
imediatamente a fome daqueles que a sente,
seja em qualquer lugar que a fome estiver presente.
Que as lágrimas dos injustiçados transformem-se num lindo jardim,
onde nunca mais seja preciso regar,
porque aquelas flores serão eternas em beleza e em honra a Deus.
 
Senhor, podes por favor me escutar?
Que nós nos tornemos uma grande e numerosa família,
porque Tu criastes Adão e Eva como tua imagem e semelhança,
e nos deste o poder do livre arbítrio depois.
 
Senhor, não sabemos escolher o melhor se tu não estás ao nosso lado.
Seremos cegos sem a tua luz.
Não nos deixe cair em tentação.
Queremos tua presença viva em cada um de nós,
e eu peço não só pelos que te amam e te desejam, mas também por
aqueles que não tem noção nenhuma do teu esplendor.
Dai a estes também a luz que não se apaga.
 
Senhor, podes por favor me escutar?
Amai-vos uns aos outros.
Que beleza seria se em cada um de nós houvesse esta preocupação com o outro!
Peço que o bem seja sempre o desejo de todos,
que nenhum, mais nenhum humano na face da terra deseje coisas ruins a
si e a outrem.
 
Que cada sorriso seja franco,
que cada criança tenha alimento,
amor,
e conhecimento da fé em Cristo.
Que os adultos estejam sempre com um olhar sereno e a mente voltada para Deus.
 
Senhor, podes por favor me ouvir?
Eu acredito em Ti,
eu acredito em milagres,
eu acredito no amor.
Meus olhos enchem de lágrimas porque cada vez que penso em Ti sinto
uma vontade de modificar a dor do mundo,
de merecer todos os teus sofrimentos por mim.
 
Senhor, podes por favor me ouvir?
Cuida de nós pai,
aparta a maldade de cada coração.
Mesmo se errarmos,
não endureça os nossos corações,
em nome de Jesus.
 
Amém!


Autora: Fernanda Marinho - Rio de Janeiro/RJ

Blog da autora: ALEATORIAMENTE

 
http://palavrasseencaixam.blogspot.com.br/

Publicação autorizada pela autora

11 comentários:

Aleatoriamente disse...

Carlos,
Mais uma vez é uma honra está no seu cantinho.
Fiquei muito contente com sua gentileza e carinho.
Amizade é um instrumento bonito, que a essência usa para unir , afagar, a cada dia.
Obrigada querido.

Um beijo
Fernanda

Carlos Lopes disse...

Fernanda, tão logo publiquei o seu belíssimo e inteligente texto MEU NIVER, minha sobrinha me ligou de São Paulo dizendo da beleza contida no que você escreveu. Ela tem toda razão, seu texto é excelente e faz bem a quem ler. Por fim, eu é que te agradeço Fernanda. Beijos

Felipe disse...

Amigos, a Fernanda é a mais graciosa flor do mês de setembro, de dar inveja à primavera que se aproxima.
Talento grande para ensinar, carisma à flor da pele, simplicidade em qualquer momento, doçura em todo lugar. Assim é ela, que super abastecida de amor no coração, faz da sua vida um exemplo maravilhoso.
Minha querida amada, você irradia sua essência de uma maneira muito linda. Te amo, pelo que és e por como és. Felipe.

✿ chica disse...

Ler a Nanda faz muito bem!Ela é maravilhosa sempre em niver ,em qualquer estação! abraços,chica

Aleatoriamente disse...

Carlos, diga que agradeço sua sobrinha por favor.
Agradeço de coração seu carinho.
Obrigada.

Beijo

Aleatoriamente disse...

Risos...
Amor assim não vale, fquei vermelha rsrsrs.
Namorado, você é um anjo terreno que ganhei de presente.

Te amo tbm.
Obrigada amor.

Carlos Lopes disse...

Falo a ela sim do seu agradecimento. Um abraço Fernanda Marinho. Deve aparecer um outro comentário de uma sobrinha minha em seu texto MEU NIVER, porém esta mora aqui no Recife mesmo, Ela leu ontem e gostou muito. Logo comenta.

Aleatoriamente disse...

Chica o que dizer? Que você é da mesma forma para mim, e sei que sabes disso.

Obrigada, um beijo querida.

Aleatoriamente disse...

Agradeço outra vez. Um beijo a ela.

Obrigada!

Anne Lieri disse...

Nossa,que beleza de texto!Parabens a querida Fernanda que adoro e tb a vc,Carlos,pela linda homenagem!Me comoveu!bjs e meu carinho,

Aleatoriamente disse...

Anne,
é muito bom ter seu abraço.
Parabéns mesmo a mim, que tenho amigos feito vocês.

Beijo e obrigada menina!